quarta-feira, 28 de julho de 2010

Alice II

- Eu sou Alice!

Ele olhou-a indignado e disse:

- Alice era loira! – Riu-se!


- Alice! sou Alice!

Ele olhou, pesaroso respondeu:

-Alice morreu!


- Não! Alice sou eu!

Ele, com sua voz já meia sumida:

- Que afirmação mais descabida!


-Não entendes? Alice sou eu!

Ele não deu resposta, desapareceu..


Então ela chorou desolada,

Porque raio o gato a matara?

Porque ter cabelo cor de azeviche?


- Alice sou eu! Eu sou Alice.

E depois desfaleceu...


Boas férias para todos!


7 comentários:

Krippmeister disse...

Lindo! Dá gosto ler ;)

alf disse...

Muito interessante! Fica-se a querer mais... pões isto e vais de férias? cruel criatura... serás o gato?

Boas Férias

Rafeiro Perfumado disse...

É o que dá andar sempre a mudar a cor do cabelo, perde-se a identidade.

Beijoca e boas férias, eu só em Setembro e no finalzinho!

antonio - o implume disse...

As férias como a ausência podem ser uma forma de morte.

Daniel Santos disse...

boas férias.

Krippmeister disse...

A Joaninha volta de férias artista da literatura e do desenho de equídeos ;)

Boas férias linda! Chuac

joshua disse...

Boas férias, linda. Beijo.