quinta-feira, 22 de março de 2007

Copo cheio ou copo vazio?

A perspectiva depende, é certo, de quem o vê.
Sendo uma optimista por natureza vejo sempre o copo meio cheio, mas também é verdade que caio com frequência num erro que penso todos os optimista caem e que pode ter consequências graves.
Senão vejamos, ver o copo meio cheio no meio do deserto de complicações, problemas e dramas que é a vida de hoje em dia é uma bênção, o problema está em ver que com mais umas gotinhas até podiamos encher o copo.
então lá vamos nós por ai a fora no meio do calor abrasador do deserto procurando umas gotinhas para acabar de o encher e a determinado momento damos conta que o copo está vazio, a água evaporou.
Mesmo assim pergunto o que será melhor. Agarrarmo-nos com unhas e dentes ao copo meio cheio ou correr o risco de tentar acabar de o encher?
É que um copo vazio também pode ser um copo cheio de possibilidades!

10 comentários:

Krippmeister disse...

O melhor é beber logo a água que tens e usar a força que isso te dá para voltares a encher o copo, nem que seja novamente só até metade.

Allanah disse...

Estamos muito filósofas sim sr! É sempre bom ver o copo meio cheio, assim pelo menos não desanimamos e continuamos o nosso dia a dia a espera que o copo encha, se não encher e ficar na mesma, é melhor do que estar sempre a pensar e angustiar com o pensamento de ficar sem agua! Ficas cheia de rugas e cabelos brancos... :P

Anónimo disse...

1º-Se, ao olharmos um copo, temos dúvidas se ele está cheio ou vazio,é porque ele não está de certeza meio cheio, e só a minha Joaninha e outros que tais é que podem pôr a hipótese de ele estar meio cheio!
2º Pergunto como é que a genética funcionou para seres minha filha! Mas ainda bem que és.

Joaninha disse...

Mãezinha, a genetica tem destas coisas!! Não tenho o teu pensamento racional mas sou a tua cara chapada, hehehehe!!!!
CC

Ana disse...

Bom dia...mas que filosóficas.
Entendo perfeitamente a mãe...embora não me tenha calhado grande coisa da sua cara o pensamento...que também não é muito costume...é bastante parecido...ao ler o texto só me ocorria se o copo está cheio está cheio se está vazio está vazio.
Enfim percebo-te mas... e agora a sério... Tete creio que a mensagem mais importante a retirara é...não agarrar o copo meio cheio.
Mais vale??? Para quê tete para não ficares com cabelos brancos....para não entrares em angustias...não minha cara a ideia é exactamente a contrária....esquece o copo vive em tudo pronta para dares o máximo...até porque não há segunda volta minha cara.
Para a Jo gostava de saber se as gotinhas do deserto incluem os filhos...afinal de contas digo-te por experiência e a mãe poderá confirmar que indo por aí o copo transborda rapidamente!!!
bj Ana

Joaninha disse...

É verdade que para mim mais vale arriscar e que se dane, do que passar a vida agarradinha a um copo meio cheio, claro que para quem se agarra ao copo meio cheio podemos sempre dizer que é prudente.
Quanto ao resto, humm....
CC

Ana disse...

Voltamos ao principio:o que é um copo meio cheio....
Meio uma palavra lixada com com uma imagem associada...lá está se olhamos para um copo e não sabemos se está meio cheio ou meio vazio é porque não está certamente a meio....

Ora ser prudente não é agarrar-se ao copo meio cheio é ter noção desse meio...não?
bj ana

Allanah disse...

Eu prefiro dizer (mais do que vazio ou cheio) que o copo vai a meio!! Mas Aninhas eu digo que mais vale meio cheio porque meio vazio faz-te pensar no que esta para acontecer de mau! E meio cheio faz-te pensar que apesar de td vai tudo correr bem! Mas o copo vai mesmo é a meio!

Zica Cabral disse...

tão filosoficas as minhas sobrinhas.........estou mais com a Joana.................a vida é uma aventura portanto, enche-a sempre de coisas boas e bonitas. Não se fiquem pela metade, se esta meio cheia, tratem de a encher e preencher completamente. Não há Meios Vazios............só em laboratorio, os estéreis!!!!!!!!!!!!!!!!!

beijinhos a todas e à minha cunhada tb......
titia Zica

Anónimo disse...

Por que nao encher o copo de possibilidades, para mastarde ele esvair ¨daquelas¨ possibilidades que pudemos aproveitar como positivo para cada um!